Cuidado com a educação tendenciosa no Marketing Digital - Marketing Digital, Inbound e SEO | Agência Tribo

Cuidado com a educação tendenciosa no Marketing Digital

Cuidado com a educacao tendenciosa do marketing digital

Cuidado com a educação tendenciosa no Marketing Digital

Vou começar o artigo da semana de forma bem categórica: cuidado com os “gurus do Marketing Digital” que criam cursos, vendem ebooks e vídeos para te convencer de que podem te “ensinar” a fórmula mágica para o sucesso. Não se deixe enganar.

O fato é que não existe uma fórmula mágica. É preciso considerar de que existe uma infinidade de público utilizando a internet, pesquisando e consumindo uma variedade imensa de conteúdo. Desta forma, falar que existe uma fórmula em meio a essa infinidade de públicos é um verdadeiro equívoco. Mas não é “só isso”.

Evoluir no Marketing Digital é um processo dinâmico que precisa de sincronia e persistência. Definir objetivos e medi-los é essencial para aprender e evoluir. A cada novo ciclo de campanhas e de estratégias, a experiência da equipe e a maturidade digital da empresa devem evoluir e, consequentemente, os resultados irão melhorar.

A internet é a principal mídia digital da atualidade. O Marketing Digital assumiu papel decisivo no resultado financeiro das empresas, mas o cenário é cada vez mais competitivo. Há muito o que evoluir e a atenção deve estar em pessoas (conhecimento), tecnologia e processos. É preciso ser inteligente e persistente, porque Marketing Digital é teste diário. As pessoas precisam ouvir especialistas reais que tiveram, de fato, resultados claros aplicados a seus clientes.

Como escreveu o especialista em Marketing, Rafael Rez, em um troca de emails: “O mercado hoje está tomado de “donos da verdade”, que fazem afirmações infundadas, no entanto, contundentes, afirmando que possuem a chave para o sucesso ou o segredo mágico que faz tudo funcionar. Isso não existe. O que existe é trabalho consistente, bem executado, por meses e anos a fio. Essa é a receita que nunca falha”.

Relevância do Marketing Digital nas empresas

Ou seja, em um mundo em que o marketing – nessa era digital – assumiu novas responsabilidades, é preciso ser consciente e consistente. Não há como negar a relevância do Marketing Digital nas empresas – isso nem mais é pauta de discussão.

O orçamento do marketing, por exemplo, cresce a cada ano e a expectativa é que continue evoluindo, segundo uma das maiores empresas de pesquisa e consultoria do mundo, a Gartner. Vale destacar o orçamento para soluções de tecnologia para marketing digital que cresceu de 22% em 2017 para 29% em 2018 e os números não param de crescer, segundo a ITForum365.

Apesar de tudo, o Marketing Digital é uma ciência nova com pouco mais de 10 anos. Por isso, faltam processos consolidados o que, na prática, leva ao ciclo de tentativa e erro até chegar ao melhor caminho. Vence quem consegue se manter vivo neste período e aprender mais rápido com os seus erros.
Quem dita o rumo do mercado são as mídias de alcance como o Google, Facebook, soluções de email e automação. São estas potências que promovem a base de conhecimento. Então, é normal que a educação seja tendenciosa com cada uma superestimando sua solução.

Não se discute mais se o marketing online é eficaz ou não. Ser competitivo e crescer requer competência no marketing digital e esta tendência ainda está em expansão. Agora não basta mais “fazer marketing digital”, é preciso fazer melhor que a concorrência.

Espero que este artigo tenha sido útil.

Se quiser falar mais sobre o assunto, fale diretamente comigo por AQUI.

Espero o seu contato,

Até breve!

Compartilhe!
Mauricio Simão
falecom@agenciatribo.com.br

Publicitário por formação, atua na área digital desde 1999, quando tudo ainda era mato e a internet só estava engatinhando. Como consultor e especialista, Mauricio Simão traduz essa linguagem digital tão complexa e cheia de ferramentas para que as empresas organizem melhor seus departamentos de marketing e tenham processos para se relacionar melhor com seus clientes e consigam se tornar cada vez mais relevantes.