Crossmedia digital: como analisar a jornada do consumidor?

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O título deste artigo é um tanto quanto controverso, sei disso, mas se é conversando que a gente converte, é intrigando que a gente pensa e aprende. Quando proponho esse tema quero abordar a seguinte questão: sua empresa ou indústria sabe mesmo de que forma o comprador chegou até o seu produto ou serviço? Nesta era da convergência, em que é possível, por exemplo, assistir a uma série no próprio celular por meio de um aplicativo de streaming ou até mesmo ver TV, a pergunta que fica é: sua marca está totalmente sob o seu controle?

Esse movimento recebe um nome: crossmedia digital. É um processo que distribui uma mesma narrativa entre diferentes segmentos de mídia, respeitando, é claro, as suas características próprias. O termo é empregado no universo do marketing desde a década de 90, ao fazer menção a campanhas ou produções que utilizassem diferentes mídias de transmissão, como um jogo de futebol, que poderia ter sua reprodução na TV e no rádio.

Diante de tantas alternativas, com formas diferentes de retratar um mesmo conteúdo, o consumidor consegue selecionar por meio de qual mídia ele quer se informar. Ou seja, isso reforça a relevância de diversificar as suas ações em marketing em diferentes canais. Para você entender, vou apontar algumas situações práticas, fique comigo e acompanhe o artigo!

Será mesmo que o Google é o único caminho do consumidor?

Tenho pensado muito sobre essa pergunta que tem a ver com o início do artigo: sua marca está totalmente sob o seu controle? Será que sua empresa ou indústria sabe mesmo de que forma o consumidor chegou até seu produto e finalizou a compra ou quais caminhos percorreu para contratar o seu serviço?

Um exemplo. Alguém que assiste a uma propaganda na televisão com QR Code de uma oferta especial de um determinado produto. Dificilmente este telespectador estará com o celular na mão exatamente no mesmo momento que o código é transmitido. Se a pessoa viu o anúncio na TV, se interessou – porque até então ela não sabia realmente que precisava daquele produto – normalmente ele vai fazer a pesquisa no Google e efetua a compra por lá. Mas inicialmente, o despertar para essa jornada começou no anúncio de televisão. Muitas vezes, a busca pode ser iniciada em um anúncio patrocinado no Instagram também ou no YouTube.

Diferente de uma pessoa que busca diretamente no Google. Quando a pessoa entra no navegador e faz as suas pesquisas pelo Google é porque esse consumidor já tem uma “dor” e quer encontrar a solução para ela. A compra pelo produto ou pela contratação de um determinado serviço já existia nesta busca direta neste canal. Percebe a diferença? O que quero dizer é que, sim, o Google é importante assim como todos os outros caminhos digitais são.

Ou seja, para que a estratégia de crossmedia funcione, não basta postar o mesmo assunto em mídias diferentes. É preciso estimular o público a consumir e a interagir com essas narrativas nos diferentes meios, de maneira complementar.

O crossmedia contribui diretamente para aprimorar a consciência de marca, ou seja, o modo como o seu público enxerga o negócio. Outro benefício é fazer com que o seu produto ou serviço não saia da cabeça do consumidor, já que estará presente em diferentes mídias que ele pode acessar.

Estratégias em vários canais digitais

Para que essa estratégia de crossmedia funcione, é preciso:

  • Definir um objetivo a ser atingido com a estratégia;
  • Planejar a forma como ela vai ser adotada – e por meio de quais plataformas e mídias;
  • Levar em consideração o seu público-alvo e persona, de modo a investir nos segmentos de mídia que fazem sentido e ter sucesso com a iniciativa;
  • Garantir engajamento do seu consumidor, de modo que ele continue se relacionando com cada um dos conteúdos ao longo da experiência;

Caminho para a transformação digital

De um modo geral, o que foi abordado até agora – e, sei, que o assunto não se encerra aqui – é sobre a transformação digital neste “novo” marketing intitulado “Marketing 4.0”. Por muito tempo, empresas, indústrias e até agências de marketing se acostumaram a tratar o público como massa, escolher um veículo apenas por sua fama ou tomar decisões baseadas em achismos.

No Marketing 4.0, porém, a conectividade exige uma nova postura. As empresas precisam se orientar pela compreensão do ser humano na economia digital e pela análise de dados para embasar decisões. Afinal, se as tecnologias e a sociedade evoluem, o Marketing precisa evoluir junto.

Mas a transformação digital não abrange apenas o Marketing. É uma mudança estrutural nas empresas, que coloca a tecnologia em um papel central para melhorar seu desempenho.

Vamos conversar mais sobre esse conceito e sobre como a Agência Tribo pode colaborar para as estratégias digitais da sua empresa ou indústria?

Estou disposto a trocar informações e ajudar a sua marca ser memorável.

Fale comigo por AQUI.

Espero seu contato,

Até breve!

Maurício Simão
Maurício Simão

Sócio e Cofundador

Publicitário por formação, atua na área digital desde 1999, quando tudo ainda era mato e a internet só estava engatinhando. Como consultor e especialista, Mauricio Simão traduz essa linguagem digital tão complexa e cheia de ferramentas para que as empresas organizem melhor seus departamentos de marketing e tenham processos para se relacionar melhor com seus clientes e consigam se tornar cada vez mais relevantes.

Maurício Simão
Maurício Simão

Sócio e Cofundador

Publicitário por formação, atua na área digital desde 1999, quando tudo ainda era mato e a internet só estava engatinhando. Como consultor e especialista, Mauricio Simão traduz essa linguagem digital tão complexa e cheia de ferramentas para que as empresas organizem melhor seus departamentos de marketing e tenham processos para se relacionar melhor com seus clientes e consigam se tornar cada vez mais relevantes.

Posts Relacionados

Fim dos cookies e a mudança na publicidade digital

Pensar no contexto digital aumenta taxa de conversão

20 Anos da Tribo

Categorias

Categorias

Últimos Posts

Fim dos cookies e a mudança na publicidade digital

Pensar no contexto digital aumenta taxa de conversão

Crossmedia digital: como analisar a jornada do consumidor?

ico-whatsapp

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar esse site, você concorda com o uso de cookies.