Checklist de publicação de blog em WordPress 

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
redatora faz a checklist de publicação de blog em WordPress

No Marketing Digital, a primeira ação é a criação de um site que seja moderno, dinâmico, responsivo e com conteúdo relevante. Para aproveitar melhor todas as possibilidades que um site pode oferecer para alavancar os negócios B2B, é preciso seguir um checklist de publicação.

Sites produzidos para clientes da Agência Tribo são feitos apenas na plataforma WordPress. Afinal, quando o assunto é gerenciamento de conteúdo em páginas da Internet, esta plataforma é a mais usada no mundo. Na web, a ferramenta é responsável por mais de 60% das páginas online.

Especificamente para a aba blog, são muitas as vantagens da criação desta página pelo WordPress. Uma delas é a visibilidade que oferece e, consequentemente, a considerável habilidade em atrair usuários que podem ser convertidos em Leads.

Em linhas gerais, a alma do blog WordPress de uma empresa B2B ou indústria é o conteúdo. Desta forma, além de relevante, o conteúdo precisa passar por um checklist de publicação WordPress para atrair visitantes e fidelizar clientes.

Acompanhe este artigo e entenda melhor este checklist de publicação.

 

Checklist de publicação em WordPress de sucesso 

Vamos apresentar os principais pontos a serem verificados durante uma publicação no WordPress. Esses elementos possuem funções específicas, e se você adotar boas práticas na criação de cada um deles, contribuirá diretamente no engajamento do seu conteúdo.

 

  1. Heading Tags

No topo do checklist de publicação do blog em WordPress entra a arquitetura da informação, que é a forma de hierarquizar os conteúdos. 

Além de tornar a leitura do usuário mais fácil e objetiva, essa organização faz com que os motores de busca encontrem um conteúdo pela organização do texto. Dessa forma, os robôs vão recomendar a página como a que melhor representa a solução para as palavras-chave pesquisadas.

A técnica em SEO é definida por uma estrutura em tópicos com as informações que serão abordadas no conteúdo, hierarquizando todas essas notícias em cabeçalhos (Heading Tags).

Heading Tags são como marcadores, utilizados para organizar e definir a estrutura da página de um site – também conhecidos como cabeçalhos. São seis Heading Tags disponíveis – do H1, o mais importante, e o H6 o de menos importância, levando em consideração a hierarquia.

 

Estrutura de Hierarquia:

  • H1 (Heading Tag 1): é o título da página, tem prioridade e deve capturar a atenção do leitor;
  • H2 (Heading Tag 2): é o subtítulo usado para dividir o tema do conteúdo em tópicos;
  • H3 (Heading Tag 3): é o subtítulo do H2 usado para adicionar informações extras aos tópicos definidos;
  • H4 (Heading Tag 4), H5 (Heading Tag 5), em diante: delimitam ainda mais as informações complementares do conteúdo da heading anterior.

 

Esses cabeçalhos são o que estruturam toda a página. São fundamentais para a legibilidade e para o SEO. Títulos e  intertítulos ajudam o Google a entender os principais tópicos de uma publicação longa e podem favorecer a classificação no buscador.

 

  1. Título SEO

O Título SEO é o título que aparece no HTML da página. É esse título que vai ser lido pelo Google, na hora em que o buscador examina todos os sites da internet de acordo com a pesquisa feito pelo usuário, e é exibido na página de resultados, como o exemplo abaixo:

Desta forma, para que o conteúdo da sua empresa seja mais facilmente encontrado nas pesquisas, confira algumas dicas abaixo:

  • Use as palavras-chave que seu público pesquisa no Google;
  • Inclua a palavra-chave principal no início do Título SEO;
  • Crie um título que contenha até 60 caracteres;
  • Pense em formas atrativas para o Título SEO;
  • Inclua informações importantes ou curiosas no Título SEO. 

 

  1. URL

URL é o endereço que você digita para entrar em um site na internet como, por exemplo: https://www.agenciatribo.com.br/blog/.  

Pode parecer que a URL não tem significado algum dentro do mecanismo de busca do Google, mas é um equívoco pensar assim. 

Se o domínio for longo demais ou difícil de entender ou, ainda, não estiver relacionado com o mercado em que você atua, muitos usuários podem deixar de clicar nele.

Confira abaixo a estrutura básica de uma URL que é preciso aplicar no checklist de publicação de blog WordPress:

  • Escolha o domínio que “converse” com o nicho de mercado da sua empresa;
  • Dê preferência por palavras mais fáceis de compreensão;
  • Na maioria dos casos a própria keyword do post serve como url, desde que não seja de concorrente ou de uma marca;
  • Sempre que possível, deixe sua URL curta. 

 

  1. Meta Description

Uma meta tag (ou meta description) é uma tag HTML usada para descrever o conteúdo de uma página da web. Esta descrição será exibida abaixo do título e do URL da sua página nos resultados do mecanismo de pesquisa. Para aparecer no Google sem cortes a tag deve ter entre 140 e 160 caracteres. 

Como as meta descriptions aparecem com seu título e URL nas páginas de resultados, elas têm o poder de ajudar ou prejudicar as taxas de cliques dos seus resultados. A palavra-chave no corpo da meta tag é um sinal de relevância para os mecanismos de pesquisa que podem ajudar no ranqueamento.

Dicas para incentivar cliques e fazer visitantes da pesquisa para o site da sua indústria ou empresa B2B:

  • Tags de uma ou duas frases (140-160 caracteres);
  • Não se esqueça de incluir sua palavra-chave;
  • Adicione um CTA (Call to Action ou Chamada para Ação) se for relevante;
  • Evite meta tags duplicadas;
  • Crie tags significativas e descritivas, apresentando o conteúdo;
  • Vise uma emoção.

 

Importância das palavras-chave na publicação de conteúdo de blog WordPress 

Palavras-chave – ou keywords – são o principal instrumento de uma pesquisa no Google. São termos compostos por uma ou mais palavras e são a forma como um usuário escreve a sua dúvida nos buscadores com o objetivo de obter respostas e solucionar dúvidas e problemas. 

Ao fazer a lista de palavras-chave é necessário levar em conta não apenas o volume de buscas nos quais elas são usadas, mas também outros fatores: concorrência e sazonalidade. 

Para a elaboração desta lista é importante ainda considerar que alguns termos são muito genéricos como, por exemplo, “ponte”. Quando o usuário faz a pesquisa por esta palavra, pode estar procurando pela localização de uma determinada ponte (ponte rio niterói), por um tratamento médico (ponte de safena) e até mesmo um time (ponte preta).

Por isso é recomendado usar termos combinados. Ao invés de pesquisar pela palavra “camiseta”, é recomendável combiná-la com outras palavras como “camiseta feminina esportiva”. Ao aprimorar a palavra-chave, as chances de atingir o público correto e aumentar a conversão são maiores.

 

Dicas finais: É importante que os artigos tenham, pelo menos, entre 600 a 1000 palavras. 

E, como regra geral, é recomendável usar a palavra-chave pelo menos três vezes ao longo de cada texto (variando conforme a quantidade de palavras). Assim, ela poderá ser percebida com o destaque que merece.

Existem vários plugins e ferramentas SEO para publicação em WordPress que podem ajudar muito no trabalho de conteúdo. Temos um post especial sobre ferramentas de SEO, com informações preciosas para o planejamento de sua empresa.

 

Agência Tribo 

Somos uma Agência Digital que atua desde 2001. Com experiência e resiliência, nossa missão é contribuir para o crescimento das empresas e indústrias por meio do Marketing Digital de Performance.

Com profissionais renomados, criativos, ágeis e ousados, a equipe Tribo atende bem para atender sempre, seguindo o lema que usamos desde 2001: criar a solução exata onde as ideias não têm limites.

Espero o seu contato por aqui:  whatsapp-logo-1

Maurício Simão
Maurício Simão

Sócio e Cofundador

Publicitário por formação, atua na área digital desde 1999, quando tudo ainda era mato e a internet só estava engatinhando. Como consultor e especialista, Mauricio Simão traduz essa linguagem digital tão complexa e cheia de ferramentas para que as empresas organizem melhor seus departamentos de marketing e tenham processos para se relacionar melhor com seus clientes e consigam se tornar cada vez mais relevantes.

Maurício Simão
Maurício Simão

Sócio e Cofundador

Publicitário por formação, atua na área digital desde 1999, quando tudo ainda era mato e a internet só estava engatinhando. Como consultor e especialista, Mauricio Simão traduz essa linguagem digital tão complexa e cheia de ferramentas para que as empresas organizem melhor seus departamentos de marketing e tenham processos para se relacionar melhor com seus clientes e consigam se tornar cada vez mais relevantes.

Posts Relacionados

05 ferramentas essenciais de marketing digital  

Case de sucesso marketing: como a Agência Tribo gerou leads qualificados para a MULTITTECH

Como vender mais com o calendário sazonal 

Categorias

Categorias

Últimos Posts

05 ferramentas essenciais de marketing digital  

Case de sucesso marketing: como a Agência Tribo gerou leads qualificados para a MULTITTECH

Como vender mais com o calendário sazonal 

CHAT

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar esse site, você concorda com o uso de cookies.

Olá, vamos aumentar suas vendas?